Medjay | Confira nosso review do disco Sandstorm, sobre mitologia egípcia!

4 meses atrás
259

Formada na cidade de Belo Horizonte, Medjay é uma banda de power metal que conta com Phil Lima nos vocais, Samuka no baixo, Freddy Daniels na guitarra e Ricardo Linassi na bateria. A banda, fortemente influenciada pela música árabe, traz uma proposta totalmente nova para o cenário musical: elementos da rica cultura egípcia representados pelo metal!

O nome da banda é uma referência aos bravos guerreiros que habitaram a região do Sudão do Sul e que um dia vieram a integrar a guarda real dos faraós, comandantes máximos do Antigo Egito.

“Medjay para nós é também entendido como um espírito de coragem e luta que está presente em toda a História humana, por isso em cada lugar que há um povo guerreiro, ali os Medjay se fazem presentes.”

Recentemente, o Medjay lançou seu disco de estreia no mercado: Sandstorm! Com sete faixas, contendo participações especiais em algumas, o disco teve a mentoria do renomado músico Rafael Bittencourt, guitarrista e fundador do Angra, uma das maiores referências do heavy metal no Brasil.

O primeiro ponto a se destacar é o conceito do grupo. Sendo uma proposta totalmente nova na música, a cultura e mitologia egípcia é a principal característica da banda. Todo o conceito é muito bem trabalhado, não só nas músicas em si, que envolvem instrumentos e sonoridades fortemente inspirados pela cultura árabe, mas também no próprio aspecto visual. Essa atmosfera extremamente imersiva também se faz presente na capa do disco, com uma arte impecável que traz à tona a questão dos protestos em prol da liberdade durante a chamada Primavera Árabe. Este elo entre a cultura do Antigo Egito e as questões atuais também é muito presente nas músicas.

Egyptian Beast

A introdução para o álbum utiliza de artifícios aparentemente simples, como percussão, um coral de fundo e sons que remetem a areia do deserto, mas que são um excelente pontapé inicial para te colocar imerso de vez no contexto. Apesar de ser uma breve faixa com pouco mais de dois minutos, é um ótimo aperitivo do que vem depois.

Medjay

A segunda música do disco, que leva o nome da banda, fala sobre os antigos guerreiros da cultura egípcia, os Medjay. Fica clara aqui a inspiração do grupo em bandas de sucesso mundial no heavy metal como Iron Maiden e Megadeth. Apesar de deixar a desejar um pouco na letra, a guitarra e bateria não passam despercebidas quando o assunto é uma melodia marcante e gostosa de ouvir.

Death in the House of Horus

A música possui um refrão interessante, utilizando também diversos elementos que lembram não só o Egito Antigo, como também a cultura árabe como um todo, o que ajuda a trazer uma atmosfera imersiva. Provavelmente a música mais melódica do álbum.

Revenge of Horus

Consegue prender sua atenção do início ao fim, com boas faixas de guitarra, piano e um vocal muito marcante. Foi direto para a playlist!

Rise For Glory

Essa é outra que se encaixa entre as melhores do disco. Além de um vocal épico que traz uma atmosfera contagiante de heroísmo, os sons mais tradicionais que remetem a cultura egípcia não são deixados de lado.

Sandstorm

A música que leva o nome do álbum não só tem excelentes linhas de baixo, como também um vídeo clipe muito bem trabalhado. Além disso, a canção é dedicada para os milhões de egípcios que marcharam a favor da liberdade em manifestações da chamada Primavera Árabe, em 2011.

Lady Of The Nile

Com a participação de May Undead no vocal, interpretando a rainha Nefertiti, Lady Of The Nile fecha o disco com chave de ouro. Com um ritmo mais lento e trazendo uma atmosfera diferente, a música marca o disco de estreia dessa banda que chegou com um pé na porta e com uma proposta totalmente inovadora.

 

Em geral, Sandstorm consegue manter uma consistência na qualidade das músicas do início ao fim, entregando muito bem aquilo que promete. O álbum que trouxe uma temática diferente para o rock e power metal com certeza ficará marcado como algo inovador e comprometido com excelentes composições, performances e mixagem. Recomendo a todos que apreciam (e aos que não apreciam) o rock e o metal dedicarem um tempo para conhecer esse trabalho feito com tanto empenho por músicos incríveis e que verdadeiramente amam a cultura egípcia e o rock.

Cada música valeu a pena!

Confira o trabalho da banda Medjay nas plataformas digitais:

Spotfy

Deezer

Apple Music

YouTube

 

 

%d blogueiros gostam disto: